Em SC, homem pede que levem cestas básicas ao invés de flores em seu velório

Qual seria seu último pedido se você soubesse que está prestes a morrer? O de Ivan de Deus, morador de Santa Catarina, foi um exemplo de altruísmo. Com câncer em fase terminal, o funcionário público pediu aos amigos e familiares que quem fosse ao velório dele não levasse flores, e sim alimentos para doação.

Na última quarta-feira (29), pela manhã, Ivan morreu em casa aos 50 anos. A cerimônia de despedida foi marcada pela dor da perda de alguém sempre dedicado a ajudar o próximo. Mas, ao mesmo tempo, serviu de oportunidade para fazer o bem. A família dele começará a organizar as cestas básicas a partir desta sexta (1°/07).

“Meu sobrinho fez um pedido para que não levassem flores, mas alimentos para quem precisa. E assim todos que o conheciam atenderam sua vontade. Que exemplo de amor ao próximo. Descanse na paz de Deus”, escreveu a tia Joseli Neumann, que compartilhou também uma foto das doações.

Márcia Jaques, madrasta de Ivan, conta que a partir desta sexta-feira (1º) a família começará a organizar as cestas para fazer a distribuição. Ela revela que o pedido para que não fossem levadas flores e sim alimentos aconteceu diretamente para a esposa dele.

Via NSC

Redação Portal RDX

Ler anterior

Jovem de 21 anos morre vítima de feminicídio em Bituruna

leia a próxima

Julho terá chuva de meteoros e Lua dos Cervos