Baixa vazão do Rio Iguaçu altera paisagem da praça em São Mateus do Sul

A leitura da régua está em 0,304 m, com vazão de 32,9 m³/s. (Foto: Edinei Cruz/RDX FM)

Com a diminuição das chuvas na região, a baixa vazão do Rio Iguaçu está sendo visível em São Mateus do Sul. De acordo com o monitoramento hidrológico da Companhia Paranaense de Energia Elétrica (Copel), a leitura da régua está em 0,304 m, com vazão de 32,9 m³/s. Em maio de 2019, após fortes chuvas, o monitoramento marcou 3,383 m e vazão de 276 m³/s.

A paisagem também mudou nas Cataratas do Iguaçu, em Foz do Iguaçu. Por medida de segurança, o passeio realizado de bote no rio precisou ser suspenso na sexta-feira (6), segundo o Parque Nacional do Iguaçu.

Segundo a Copel, a baixa vazão está ligada à falta de chuva e a ação preventiva de poupar água dos reservatórios do Rio Iguaçu e de outras bacias para a produção de energia elétrica. A companhia informou ainda que o pior período de seca nas quedas d’água ocorreu em abril de 1978, quando a vazão foi de 114 mil litros de água por segundo.

Cláudia Burdzinski

Jornalista e Repórter RDX FM. Instagram: @claudiaburdzinski

Ler anterior

Saúde e empoderamento feminino serão temas de palestra nesta quarta (11)

Ler próxima

Alerta: São Mateus do Sul está infestado de focos de dengue