Para não perder dinheiro, curitibana faz festa de “descasamento” após fim de noivado

A preparação para um casamento pode levar meses ou até anos. Procurar o local da cerimônia, vestidos, DJ, jantar… Muitas questões precisam ser levantadas previamente antes de a festa acontecer. Porém, e se o noivado acabar dando errado e os contratos já estiverem assinados? A curitibana Kallynca Carvalho dos Santos achou uma solução para não perder dinheiro com a multa contratual: fazer uma festa de “descasamento”.

O evento acontecerá no sábado (21), no Castello Reale, em Colombo, região metropolitana de Curitiba (RMC) e será aberto ao público. O valor do convite é de R$ 200 e busca cobrir os gastos na festa, que são estimados em R$ 75 mil.

A servidora pública Kallynca explicou que estava noiva, porém, percebeu que não seria possível casar, pois o casal estava virando amigo. Desde pequena, a servidora sonhava em se casar, mas não foi desta vez que deu certo.

“Estava em uma relacionamento há três anos e meio e, em outubro do ano passado, nós percebemos que não funcionávamos mais como um casal. A gente, realmente, não era o momento de construir uma vida, estávamos abalados. Mas foi um término tranquilo, estávamos mais amigos que um casal”, disse a noiva.

O problema foi que depois que os noivos assumiram os contratos, os dois precisariam pagar multas. O local da festa é o maior gasto da festa e teria multa de 40% do preço de que ela pagou.

“Quando fui ver, tínhamos a parte do casamento, o que já tínhamos fechado de contratos. Fomos encerrando os contratos, porém, o castelo onde será a cerimônia é o último lugar que conseguimos contatar. Lá, além do espaço, tem o buffet e, por isso, o valor da multa é muito alta”, falou.

Foi aí que a mãe da servidora deu a ideia de manter a festa, já que eles pagaram quase todo valor do local da cerimônia.

“Vi que paguei boa parte dele. Falei com a minha mãe e ela disse pra manter. Ela é festeira, né, e disse que a gente daria um jeito, nem que só a gente de casa comemore. Comentou que vamos comemorar esse dia. (…) Eu voltei com os meus outros fornecedores, porque não dá festa sem música e bebidas”, falou à reportagem.

Como participar do descasamento?

Para ter algo a mais na festa, Kallynca decidiu que será à fantasia. Para entrar em contato e comprar os convites, entre em contato pelo Instagram. São mais de 200 convites para festa e dezenas foram vendidos.

Redação Portal RDX

Ler anterior

Vagas de Emprego 13 de Maio (Sexta-Feira)

leia a próxima

Prefeitura inicia tratativas para implantação de Associação Comercial em São João do Triunfo