Cooperativa Bom Jesus completa 70 anos de história

Cooperativa está presente em 13 municípios, com 25 unidades espalhadas pelo Paraná e Santa Catarina e chega ao ano de 2022 com mais de 5 mil cooperados. Foto: Divulgação.

Há 70 anos, a Cooperativa Bom Jesus trabalha com o objetivo de construir um futuro melhor. Fundada em 1952 por empreendedores rurais que perceberam no cooperativismo uma possibilidade de melhorar o poder de barganha e de crescer, a Cooperativa Bom Jesus sempre manteve a tradição, o respeito e a constante evolução como princípios fundamentais.

Com gestão democrática, profissionalismo, transparência e comprometimento com o desenvolvimento socioeconômico, chega ao ano de 2022 com mais de 5 mil cooperados, estando presente em 13 municípios, com 25 unidades espalhadas pelo Paraná e Santa Catarina.

Sobre a Cooperativa Bom Jesus

A sua história começou com 18 empreendedores rurais que vislumbravam no cooperativismo a possibilidade de crescimento. A Bom Jesus era uma cooperativa de consumo, onde os produtores buscavam um melhor poder de barganha/compras.

Sua sede, desde a fundação na Colônia Municipal, na Lapa, posteriormente foi levada para o centro da cidade, onde permaneceu até 1966. Com potencial ampliado, passou a funcionar na Vila São José. Com crescimento constante e visando uma maior comodidade aos seus sócios, a partir de 1989 sua Sede foi transferida para o endereço atual, as margens da Rodovia do Xisto, no trevo ligando São Mateus do Sul, Porto Amazonas e Campo do Tenente.

A partir do ano de 2005, passou a se chamar Cooperativa Agroindustrial Bom Jesus e hoje está presente com 25 unidades em 13 municípios espalhados no sudeste paranaense e planalto norte catarinense, sendo: Lapa, Contenda, Quitandinha, Balsa Nova, Palmeira, São João do Triunfo, Irati, Rebouças, Mallet, Paulo Frontin, São Mateus do Sul e Antonio Olinto, no Paraná; e Mafra, em Santa Catarina. Possui também uma Fazenda Experimental e uma Fábrica de Rações, com capacidade de produção de 20 toneladas/hora, rações para bovinos de leite, bovinos de corte, equinos, caprinos, ovinos, suínos, aves e coelhos levando a marca Fibra.

Atua no recebimento de soja, milho, feijão, trigo e cevada, levando toda tecnologia aos produtores com assistência técnica e insumos no tratamento de diversas culturas e agora com novos negócios em parceria com as empresas Saframax, Turim, Verion, Becker e Stihl, na venda de equipamentos agrícolas.

Sócia da Cooperativa Central Coonagro, e intercooperação na Maltaria Campos Gerais com as Cooperativas Agrária (Guarapuava), Capal (Arapoti), Castrolanda (Castro), Coopagrícola (Ponta Grossa) e Frísia (Carambeí).

Atua também na captação de leite na região, auxiliando na assistência técnica e trabalhando em processo de intercooperação com as Cooperativas Frísia e Castrolanda.

Com mais de 5.900 associados, a Cooperativa Bom Jesus vem apresentando avanços importantes no seu balanço econômico, com investimento em mais de R$ 140 milhões na região em pelo menos dois anos.

Divulgação

Redação Portal RDX

Ler anterior

Vaquinhas gêmeas nascem em propriedade do Faxinal dos Ilhéus

leia a próxima

Cavalos recolhidos pela Defesa Animal de União da Vitória são furtados