Mãe desabafa e pede justiça pela morte de Bruno Mendes

A RDX FM foi procurada neste sábado (16), por Márcia Mendes, mãe de Bruno Mendes, que faleceu na manhã do dia 13 de outubro, aos 26 anos, vítima de agressão. O que se sabe até o momento é que Bruno Mendes foi agredido no fim de semana do dia 10 de outubro em uma chácara, próximo à Vila Bom Jesus, por um grupo de pessoas. Seu corpo foi deixado no Pronto Atendimento Municipal e pela gravidade dos ferimentos Bruno foi encaminhado ao Hospital Regional em União da Vitória onde foi confirmada a morte cerebral.

Muitos sabem a dor que eu estou sentindo nessa hora, mas muitos estão pensando que essa dor para mim não está me deixando pensar o que estão fazendo por fora. Meu filho já está embaixo da terra, o meu coração sangrando e eu só peço às pessoas que fizeram essa maldade com ele [Bruno] que parem de incomodar o meu luto. Que parem de falar de forma agressiva contra o meu filho porque eles já conseguiram tirar a vida dele”,

desabafa.

Márcia também pede que as pessoas parem de inventar situações envolvendo o nome de Bruno e as circunstâncias da morte do rapaz. “Peço que não persigam a minha família e que respeitem o meu luto e a minha dor.”

Pelas redes sociais familiares também pedem justiça pela perda de Bruno Mendes e que os envolvidos sejam responsabilizados pelo ato.

Sonhos foram interrompidos por causa da covardia humana. Não deixe que esse caso se torne apenas mais um número nas estatísticas”,

destaca um comentário.

Bruno deixou duas filhas e era morador da Vila Americana. A Polícia Civil segue investigando o caso e até o momento nenhuma informação a respeito do processo de investigação foi encaminhada para a RDX. A equipe segue em diligência. Pelas redes sociais há vídeos circulando que mostram possíveis envolvidos com o crime no fim de semana.

Redação Portal RDX

Ler anterior

A partir de 2022, prova de vida será realizada no mês do aniversário

Ler próxima

São Mateus do Sul registra 83º óbito em decorrência da covid-19