São-mateuenses percorrem mais de 1500 km para acompanhar a final do Athletico no Uruguai

Torcedores irão acompanhar a final da Copa Sul-Americana, neste sábado (20). Foto: Divulgação/WhatsApp.

Os são-mateuenses Cristiano Niz, Silvio Muchalak e João Carlos Nadolny, irão percorrer mais de 1500 km, com destino à Montevidéu, no Uruguai, para acompanhar o Athletico Paranaense, na final da Sul-Americana 2021. Cerca de três mil Rubro-Negros são aguardados no Uruguai.

O jogo será no sábado (20), às 17h, no estádio Centenário, em Montevidéu, no Uruguai, contra a equipe do Bragantino, mas os torcedores já estão em viagem, a caminho do país vizinho. Ao todo, serão mais de 19 horas de percurso, em um trecho de aproximadamente 1500 km percorridos, com chegada prevista para a tarde desta sexta-feira (19). A previsão de retorno é para depois do jogo, com a expectativa de chegada no domingo (21).

Na foto, João Carlos, Cristiano e Silvio, rumo à Montevidéu, para acompanhar o Athletico Paranaense. Foto: Divulgação/WhatsApp.

Cristiano Niz lembrou da partida em que o Furacão bateu o Junior Barranquilla por 4 a 3, nos pênaltis, na Arena da Baixada, e conquistou a sua primeira taça internacional da história.

Foi em 2018 que eu, João Carlos e o Silvio fomos acompanhar essa partida histórica na Arena da Baixada, e vimos o Athletico trazer esse título, e daí em diante, não pensamos duas vezes em começar a planejar as próximas viagens”

afirma Niz.

Para João Carlos Nadolny, acompanhar os jogos do Athletico é uma verdadeira paixão. Ele revelou que já acompanhou jogos no Beira-Rio (Porto Alegre), Maracanã (Rio de Janeiro) e Mané Garrincha (Brasília).

É uma satisfação muito grande seguir o Athletico por toda parte. Lembro ainda de viajar à Argentina na Recopa Sul-Americana, e Brasília na Supercopa, no ano de 2019.

diz Naldony.

Silvio Muchalak falou da expectativa, para que o Furacão seja bicampeão da Copa Sul-Americana.

Com todo respeito ao adversário, mas nossa expectativa é que o Athletico conquiste esse título, e que o retorno [de nossa viagem] seja tão divertida quanto está sendo a de ida. Saudações rubro-negras à todos”

reforçou Muchalak.

O jogo

Em Montevidéu, no Uruguai, desde o final da tarde de quarta-feira (17), o Athletico realizou, na manhã desta quinta-feira (18), o primeiro treinamento em solo uruguaio visando a decisão da Copa Sul-Americana, que acontece neste sábado (20), às 17h, diante do Bragantino, no estádio Centenário. O trabalho tático aconteceu no estádio Luis Franzini, que pertence ao Defensor.

Nesta sexta-feira (19), véspera da partida contra o massa bruta, o técnico Alberto Valentim vai comandar o último treino antes do jogo. A atividade vai acontecer novamente no estádio Luis Franzini, mas o elenco do Furacão vai fazer, no final da tarde, um reconhecimento de gramado no estádio Centenário, palco da partida.

Força máxima

Depois de poupar todo o time titular na derrota sofrida para o Atlético-MG por 1×0, na Arena da Baixada, na última terça-feira, o técnico Alberto Valentim deve escalar o Athletico com força máxima para a decisão da Copa Sul-Americana. A tendência é de que o treinador repita a escalação das últimas partidas.

*Com colaboração Banda B

Edinei Cruz

Repórter e Locutor da RDX FM Instagram: @edineicruzsms

Ler anterior

Feira do Pêssego de Irati começa neste sábado (20)

Ler próxima

Jovem que saiu de São Mateus do Sul rumo à Canoinhas está desaparecido