Tiquinho foi transferido para Curitiba para tratamento da covid-19

De acordo com a família, Francisco Luiz Ulbrich segue estável. Foto: PORTAL RDX.

O sócio-proprietário da Rádio Difusora do Xisto e ex-prefeito Francisco Luiz Ulbrich, o Tiquinho, foi transferido para o Hospital Sugisawa, em Curitiba, para tratamento da covid-19. O paciente de 73 anos segue estável e apresenta uma boa recuperação.

De acordo com a família, Tiquinho apresentou indisposição no domingo (18), quando teve febre e positivou para a covid-19 após realizar o teste. Na Unidade Sentinela, foi constatado que a saturação estava em 90%, onde passou a receber oxigênio e ficar em observação. No mesmo dia, os filhos então decidiram transferí-lo para Curitiba, no Hospital Sugisawa, para ficar aos cuidados do médico da família.

Desde sua chegada no hospital no domingo (18), Tiquinho recebeu medicação e foi feito o uso de oxigênio, porém ele não está entubado. O diretor da RDX encontra-se em um quarto isolado, mas em nenhum momento apresentou complicações.

Nesta terça-feira (20), o oxigênio foi retirado por volta de 9h para avaliar a saturação. A família informou que após o uso de medicação, Tiquinho segue estável e vem apresentando melhoras.

Após a testagem de Tiquinho, sua esposa Vera Ulbrich, também fez o teste e positivou para a Covid-19. Neste dia estava somente sintomas de coriza e um leve cansaço nas pernas. Na segunda ela apresentou febre e está em isolamento domiciliar em São Mateus do Sul, aos cuidados da filha Luciane.

Nesta terça-feira (20), a paciente fez exame de tomografia do tórax no qual serão tomadas as devidas precauções. Segundo a família, Vera segue estável e tem apresentado melhoras.

Edinei Cruz

Edinei Cruz

Repórter e Locutor da RDX FM

Ler anterior

Ana Lucia Menezes, dubladora de ‘Peppa Pig’, ‘Teletubbies’ e ‘Rebelde’, morre aos 46 anos

Ler próxima

Prefeito Rafael Greca é levado às pressas ao hospital após passar mal em Curitiba