Homem morre após ser espancado por assaltantes em Canoinhas

Ele foi atingido violentamente na cabeça e passou mais de um mês no hospital

Morreu na manhã deste domingo (19), Norberto José Tavares, de 65 anos. Ele foi agredido com uma pancada forte na cabeça no dia 14 de agosto dentro de sua casa no bairro Piedade em Canoinhas. A Polícia acredita tratar-se de um caso de latrocínio (matar para roubar) já que desapareceram da casa R$ 2 mil da primeira aposentadoria de Tavares e dois celulares.

Tavares foi encontrado inconsciente pelo filho, que o socorreu e o levou para o Pronto Atendimento de Canoinhas, de onde foi transferido para o Hospital São Vicente de Paula, em Mafra, onde ficou internado por quinze dias. De lá ele voltou para Canoinhas onde passou mais 20 dias. Na sexta-feira, 17, ele recebeu alta médica e foi para casa. Na manhã deste domingo ele sofreu uma parada cardiorrespiratória. O filho, Norberto José Tavares Junior, conta que levou o pai até o Hospital, mas ele morreu antes de dar entrada.

Apesar de ter recebido alta médica, Norberto estava acamado e, segundo laudo médico, não tinha condições de se recuperar.

O corpo de Norberto foi sepultado nesta segunda-feira (21).

Até o momento ninguém foi preso pelo crime.

Redação Portal RDX

Ler anterior

Acidente no Paraná mata recém-nascida, criança e dois adultos

Ler próxima

Horóscopo do dia 22 de Setembro (Quarta-feira)