Forte temporal derruba torre da RDX FM 88,7

Estrutura de quase 60 metros veio ao chão, na tarde desta quarta-feira (22). Foto: Edinei Cruz/PORTAL RDX.

O temporal que atingiu São Mateus do Sul nesta quarta-feira (22), acompanhado de granizo e ventos fortes, derrubou a torre de transmissão da RDX FM.

Localizada na Rua Antônio Bizinelli, na Colônia Iguaçu, a estrutura de quase 60 metros, que comportava 4 elementos, veio ao chão por volta de 15h. O sinal em 88,7 FM foi interrompido, porém segue normalmente através do player da RDX FM.

Foto: Edinei Cruz/PORTAL RDX.

De acordo com o sócio-proprietário Eduardo Pinheiro Ferreira, o Edu da Rádio, a equipe técnica responsável pela manutenção, já está trabalhando para que o sinal volte a operar novamente.

Temos profissionais que cancelaram até a viagem do Natal para que o sinal da RDX volte ao ar. Estamos empenhados incansavelmente para que nossos clientes e amigos ouvintes recebam o som da 88,7 o quanto antes”

garante Eduardo.

Mudanças em 2022

No ar desde 28 de janeiro de 1983, a Rádio Difusora do Xisto migrou do AM 1030 kHz para a frequência FM 88,7 MHz em dezembro de 2017, com a classe B2.

Em breve, a emissora receberá uma promoção de classe, subindo para A4, com um incremento de potência e mudança de endereço de sua torre. Atualmente, o sinal cobre com facilidade municípios do Sul do Paraná, Campos Gerais e Planalto Norte de Santa Catarina.

De acordo com o sócio-proprietário, Francisco Luiz Ulbrich, já há um planejamento por parte da direção, para que ocorra a mudança do local da torre, para que o sinal em FM vá mais longe.

Já está em nosso projeto para 2022, a mudança das instalações da torre que comporta nossas antenas, para um local mais alto. Agora, com a queda de nossa estrutura, teremos que adiantar esse trabalho.

relata Tiquinho.

Edinei Cruz

Repórter e Locutor da RDX FM Instagram: @edineicruzsms

Ler anterior

Granizo e fortes ventos atingem São Mateus do Sul na tarde desta quarta (22)

Ler próxima

Falecimento de Delfino Pacheco