27ª BPM desencadeia Operação Persona Duplicen contra crime organizado em Bituruna e Guarapuava

Foram cumpridos 14 mandados de buscas visando o combate ao crime organizado. Fotos: 27º BPM.

Na manhã desta terça-feira (30), o 27°BPM com apoio das equipes do BOPE – Curitiba, CORREGEDORIA GERAL- Curitiba e 4°CRPM (1°BPM – Ponta Grossa e 16°BPM – Guarapuava ) cumpriram 14 Mandados de Buscas em residências localizadas nos municípios de Bituruna e Guarapuava visando o combate ao crime organizado.

Entre os alvos estão 2 policiais militares da ativa e 1 da reserva. Em tese recai sobre os alvos a participação em delitos e/ou conivência com quadrilhas atuantes nas regiões. Os demais alvos são moradores das cidades mencionados que possuem alguma ligação com o grupo criminoso.

O nome da Operação é uma tradução do latim que significa dupla personalidade, relacionando a capacidade de uma pessoa ter duas personalidades, sendo uma para o bem e outra para o mal.

Os resultados da Operação Persona Duplicen foram os seguintes:

  • Apreensão de 13 telefones celulares;
  • 4 armas de fogo ( 1 escopeta cal 12, 1 espingarda cal 32, 1 revólver cal 38, 1 garrucha cal. 32);
  • 1.623 munições de diversos calibres (cal GA12, .22, .38. .28, 9mm)
  • 4 presos;
  • R$ 1.800,00 reais ;
  • $ 2.061,00 dólares ;
  • 2 notebooks;
  • 1 HD externo;

A Polícia Militar reitera que não compactua com nenhum tipo de ilicitude praticados por quaisquer de seus membros e busca sempre elucidar os fatos que envolvam militares estaduais.

Redação Portal RDX

Ler anterior

União da Vitória registra a 47ª morte por Covid-19

Ler próxima

Saúde de Três Barras confirma o 34° óbito em decorrência da covid-19