Morre segunda vítima de engavetamento na BR-280, em Canoinhas

Regiane Cristina Schumovski tinha 19 anos. Foto: Divulgação/JMais.

Morreu na tarde desta sexta-feira (1º), Regiane Cristina Schumovski, de 19 anos. Ela é a segunda vítima fatal do engavetamento que também vitimou Marcelo Martiniski, 36 anos, na terça-feira, 28, na BR-280, em Canoinhas.

Os dois estavam em um Fiesta com placas de São Mateus do Sul, quando pararam o veículo na rodovia que estava em obras. Havia um Ford Fusion atrás deles. O motorista de um caminhão diz que só percebeu que o trânsito estava parado a menos de 10 metros quando um funcionário da Ápia, empresa responsável pelas obras, sinalizou com as mãos. Não havia placas nem cones, segundo ele, indicando a parada. Ele colidiu na traseira do Ford Fusion, que saiu da pista graças a ação rápida da motorista. Regiane e Marcelo estavam entre o Fusion e um Strada.

Foto: Divulgação/WhatsApp.

O carro ficou engavetado entre o caminhão e o Strada. Marcelo morreu pouco depois de ser socorrido. Regiane foi socorrida, passou pelo Pronto Atendimento de Canoinhas e foi transferida para a Unidade de Terapia Intensiva do Hospital São Vicente de Paulo, de Mafra, com traumatismo craniano e várias fraturas.

Regiane teve morte cerebral declarada na tarde desta sexta-feira. Como ela era doadora de órgãos, o Hospital está fazendo o procedimento de captação dos órgãos saudáveis. O velório e sepultamento ainda não foram marcados porque o corpo só deve ser liberado neste sábado, 2.

Uma de suas irmãs, Elis Regina, contou que a irmã “era uma pessoa muito simpática, querida, onde passava tinha amizades, sempre sorridente”.

Regiane era de Bela Vista do Toldo, onde mora sua mãe, mas atualmente estava morando em Joinville.

Redação Portal RDX

Ler anterior

Falecimento de Joacir da Aparecida Walter Rocha

Ler próxima

Horóscopo do dia 02 de Outubro (Sábado)