Número de acidentes cai pela metade durante feriado de Natal

O número de acidentes nas rodovias estaduais reduziu em 52% no feriadão de Natal. De acordo com dados do Batalhão de Polícia Rodoviária (BPRv), foram registrados 48 acidentes nas estradas estaduais entre os dias 24 e 27 de dezembro, com três mortos. Em 2019, durante o feriado de Natal, foram 99 acidentes com 11 mortos. Na Costa Leste, não houve nenhuma morte nas rodovias estaduais e a redução de acidentes foi de 25%.

“Colocamos nosso pessoal na pista para fazer abordagens, fiscalizações e patrulhamento intenso desde o início do verão e, no feriado de Natal, o trabalho continuou firme para prevenir acidentes, feridos e mortes nas estradas estaduais”,

destacou o Comandante do BPRv, tenente-coronel Wellenton Joserli Selmer.

O balanço do BPRv aponta que, com menor movimento nas estradas e o trabalho intenso de orientação feito pelos policiais militares rodoviários, houve redução em todos os índices. Além da queda de acidentes (-52%) e de mortes (-73%), o número de pessoas feridas também reduziu no estado: de 131 caiu para 76, ou seja, uma queda de 42% em relação ao mesmo período do feriado de Natal de 2019.

O número de autuações de infrações de trânsito, feitas pelos policiais militares, também acompanharam a queda dos índices. Neste feriado houve 1.493 autos de infração, contra 2.025 aplicados no feriado anterior (-26%). Com relação ao crime de embriaguez ao volante, em quatro casos foi constatada a infração de embriaguez e em outras duas ocorrências, dois condutores acabaram presos pelo crime. Em 2019 foram 10 infrações e seis prisões por embriaguez ao volante durante o feriado de Natal. Nas abordagens, os policiais militares rodoviários removeram 66 veículos irregulares contra 219 no ferido do ano anterior.

Para combater o excesso de velocidade nas rodovias, equipes com radares móveis foram posicionadas em pontos estratégicos onde há maior incidência desse tipo de infração. O trabalho resultou em 3.569 imagens de radar, 1.493 imagens a mais do que no mesmo período do ano passado, quando foram 2.076, um aumento de 72%.

Redação Portal RDX

Redação Portal RDX

Leia o anterior

Toque de recolher no Paraná deve ser prorrogado por mais dez dias, diz Beto Preto

Ler próximo

Sinal analógico da RPC volta a funcionar normalmente em São Mateus do Sul